novembro 22, 2013

[Livros] A Outra Vida - Susanne Winnacker

Título Original: Weepers
Autor: Susanne Winnacker
Editora: Novo Conceito
Páginas: 272
Gênero: Ficção
País: EUA
ISBN: 9788581631516
Classificação★★★★☆
_______________

Zumbis! Ah, como eu adoro zumbis. Praticamente tudo o que eu leio ou assisto sobre o tema me fascina. Espero que não aconteça, mas se houver um apocalipse zumbi, eu estarei preparada. Tá, nem tanto assim, preciso arranjar uma faca, um rifle e um sanduíche de presunto.


Comecei falando de zumbis porque o livro fala de seres mutantes, aparentemente sem vida que se transformaram depois de contrair uma infecção.Lembram zumbis, não? No livro, não se chamam zumbis, mas as semelhanças não nos enganam. Os 'chorões', como são chamados na tradução para português, caçam humanos, são extremamente inteligentes e pra variar, são fruto de experiências com armas biológicas do governo.


Susanne tem uma escrita que cativa e os capítulos curtos nos fazem querer chegar logo no final. Eu fiquei super feliz quando vi que o livro faz parte de uma série. Afinal, o final deixou muita coisa em aberto. Editora Novo Conceito, estamos aguardando ansiosamente o próximo volume. o/

Neste primeiro volume, somos apresentados à protagonista Sherry, uma garota de 15 anos, que passou os últimos anos de sua vida em um bunker, sob a casa de sua família. Lá, ela vive confinada com os irmãos mais novos, os pais e a avó. Vovô está no freezer, ele morreu há alguns meses.

Em alguns momentos a história é tão real que nos faz querer chorar. A luta da família para não morrer de fome, a tristeza da avó que não aceita a morte do marido e não sai de perto do freezer. As lembranças de Sherry, que é só uma garotinha, e não pôde ver nada desse mundo.

Mas a coisa fica séria, quando depois de três anos, a comida do bunker acaba. A família se desentende e o pai decide sair de lá para buscar ajuda, alimentos e ter informações sobre o mundo exterior. A comunicação foi repentinamente interrompida e o governo já não lhes diz o que está acontecendo. Sem saber o que vai enfrentar lá fora, Sherry decide ir junto com o pai. Ela não imagina que essa será a maior aventura de sua vida.

Quando encontram um supermercado, são surpreendidos por um grupo de seres mutantes, que um dia foram humanos. Eles possuem pelos por todo o corpo e lacrimejam um líquido estranho, são ágeis e muito violentos. O pai de Sherry é então levado pelos 'chorões' e a menina é deixada sozinha.

É aí que ela encontra seu salvador, Joshua, um garoto um pouco mais velho que ela,  que diz caçar essas criaturas. Ele vive em um refúgio com outros sobreviventes. Com a ajuda dele, a menina vai tentar resgatar sua família e lutar para encontrar o pai capturado.

Emocionante, confesso que levei alguns sustos no decorrer da narrativa. Eu me apaixonei pela Sherry, é uma protagonista fofinha, sem ser boba e irritante. Vocês vão gostar, com certeza. A linguagem é bem teen, então se você espera algo mais maduro e sangrento como The Walking Dead, vá com menos expectativa. Eu adorei, recomendo muito!

"Três anos, um mês, uma semana e seis dias se passaram desde a última vez que vi a luz do dia. Um quinto de minha vida." (p.7)

Sinopse: O mundo de Sherry — de uma hora para outra — mudou completamente. Por causa de um vírus muito contagioso, as pessoas que ela costumava conhecer, e quase todas as pessoas de sua cidade, Los Angeles, na Califórnia, se transformaram em mutantes assustadores. Esses mutantes têm uma força excessiva, são ágeis, o corpo é coberto de pelos, eles lacrimejam um líquido imundo e… comem gente! Portanto, não há muito o que fazer — talvez tentar fugir — quando se encontra algum deles. A não ser que você tenha ao seu lado a força e a determinação de um jovem como Joshua. Joshua perdeu uma irmã para os mutantes e sua raiva é tão grande que ele seria capaz de vingar todos aqueles que perderam alguém para as criaturas. No entanto, para que esta revanche aconteça, é preciso prudência. Afinal, até que ponto a disseminação deste vírus foi uma coisa realmente natural? Que poderosos interesses estão por trás desta devastação? E será que Joshua e Sherry conseguirão ter a cautela necessária para lutar contra as criaturas justo agora que seus corações estão agitados pelo começo de uma paixão?

"- Vivi com seu avô desde que tinha sua idade. Onde ele está, estou também. E se chegou minha hora, descansarei com ele. - Deu outro tapinha em minhas mãos e voltou a tricotar.
Meus avós saíram juntos da Bavária e imigraram para os Estados Unidos poucos anos antes do nascimento do meu pai. Tinha sido ideia de meu avô, mas vovó sempre dizia que o teria acompanhado até a Lua." (p.105)


4 comentários:

  1. Também curti muito o livro. Acho que tanto quanto você!!
    A resenha está perfeita!!! Incrível!! Dá até vontade de ler de novo!!
    Adorei flor!!!!

    Bjkas mil!!

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ta ai. Descobri o porque da minha vontade de ler e ler e ler.. Os capítulos curtos são os responsáveis! hahahahaha eu não havia pensado nisso.
    Como você, eu também gostei muito do livro. Acho que a autora foi muito feliz em mudar as características dos 'zumbis' e fazer um livro pouco sangrento, e mesmo assim tendo ação!
    Na minha opinião, citar a possível armação do governo na sinopse foi uma jogada ruim da editora. É isso que da aquele tchan no final do livro - pelo menos para mim que não havia lido a sinopse! Assim perde totalmente a graça. Enfim. Adorei a resenha! Descreve bem o que eu senti ao ler o livro =))

    Beeijos, Dreeh.
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  3. Adoro tudo sobre zumbis também, tudo o que já li e vi já me deixaram interessada!
    E esse livro tá na lista a tempos, quero muito ler!

    ResponderExcluir
  4. Oi Mari eu também acabei de ler esse livro. Gostei bastante e apesar de não gostar de histórias sanguinolentas, acho que faltou um pouco mais de emoção. Não senti tanto medo. A linguagem da autora é bem teen como você disse, talvez o livro não seja tão pesado. Amei Sherry e estou super torcendo por ela e Joshua.

    Beijos
    Caline
    mundo-de-papel1.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Deixe sua sugestão, opinião ou crítica. Prometo lê-las com carinho. Mil beijos, Mari Siqueira.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...