agosto 30, 2016

[Bienal] O Primeiro Fim de Semana (26/08 - 28/08)


Olá amores, eu estou sumida neste mês, mas tenho bons motivos: Bienal, aniversário, um desfecho de trilogia que atrasou minhas leituras em três semanas e a maldita faculdade que não acaba nunca. Enfim, as coisas estão complicadas. Por isso, nesse post vou trazer um pouquinho da correria deste primeiro fim de semana incrível - e extremamente cansativo - de Bienal. 

Na sexta-feira às 9 horas da manhã, eu e a Thay do Imperiódico chegamos ao Pavilhão do Anhembi onde acontece, do dia 26 de agosto a 3 de setembro, a 24ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. Lá, retiramos as nossas credenciais de blogueiro e entramos nesse mundo mágico da leitura para sair apenas as 21h. Sim, sexta foi como escalar o Everest com dez livros nas costas.

Esta não está sendo a melhor Bienal do Livro dos últimos anos, mas está longe de ser ruim. Apesar das poucas atrações e dos preços não muito interessantes em livros, a feira tem seus pontos altos. Os estandes da Rocco e da Leya são ótimos exemplos. Com atrações lindas para os fãs de Harry Potter e Game Of Thrones.

A seguir, vou listar algumas das minhas impressões sobre o evento: 

(+) Livros importados com preços incríveis. Muitos deles por R$ 10,00.
(+) Os estandes estão bem minimalistas e atentos - finalmente - aos altos índices de furtos que costumam ocorrer na Bienal.
(+) Muita sinalização e staffs dispostos a ajudar.
(+) Música boa tocando o dia todo.
(+) Transporte gratuito da Bienal, como sempre, funcionando bem.
(+) A distribuição de senhas pela internet facilitou muito as sessões de autógrafo.

(-) Como sempre, os preços no setor alimentício são absurdos e é complicado passar o dia todo sem uma boa refeição. 
(-) Menos atrações (lugares para tirar fotos, autores convidados, etc...)
(-) Filas absurdas para entrar.
(-) Editoras grandes não fizeram boas promoções.
(-) Poucos marcadores nas editoras.
(-) Livros muito empoeirados nas distribuidoras grandes. Quem sofre de rinite? o/

No sábado, rolou Encontro de Blogueiros da editora Companhia das Letras e foi um evento super bacana e íntimo no Unibes. Falamos sobre livros, ganhamos livros e vimos os próximos livros que serão lançados pelos selos do grupo. Resumindo: livros! E a editora trouxe para o evento a fofa da Jennifer Niven, consegui autografar meu Por Lugares Incríveis e tirar foto com a simpática autora.

No domingo, participamos de um Encontro de Blogueiros parceiros da editora Sextante. Mais livros e mais um bate-papo incrível. A Mariana e a Naty mandam muito bem, então, o evento foi divertidíssimo. No Holiday Inn próximo ao Pavilhão do Anhembi, o encontro exibiu os próximos lançamentos e nos preparou para os tiros que vem por aí pela editora.

Encontrei muitos blogueiros lindos por lá durante esse fim de semana. Com muitos deles apenas conversei por alguns minutos, outros me fizeram companhia por horas. Encontrei a Ray do Diários de Leitura, a Thay do Imperiódico, a Li do Literalizando Sonhos, a Thai do Amiga da Leitora, a Rebeca e a Luana do Duas Mentes Literárias, a Bia do Viciados em Marcadores, a Julia do A Menina Que Roubava Marcadores, a Joi do Estante Diagonal, a Nicoly do Obsessão Literária, o Lucas do Tentando Ser Nerd, a Grazy do DBC, a Naty do Menina da Bahia, e o Rodox do Proibido Ler. 

Comprei muita coisa no primeiro dia, mais especificamente na primeira hora de Bienal. A Minuano conta com um estande enorme cheio de livros baratos. Muitos deles em inglês, as pilhas de dez reais me atraíram logo de cara e, assim, em pouco tempo minha mochila contabilizava dez livros. Todos em língua estrangeira. Foram as compras mais proveitosas de todas as Bienais as quais já fui. Edições de luxo e limitadas foram disponibilizadas junto com outros livros e garimpando é possível encontrar livros que custam, em outros lugares, dez vezes mais.

Incrível como sempre, a Bienal Internacional de São Paulo de 2016 trouxe muitos fãs da leitura e tem arrastado também os jovens para esse universo. Ver no primeiro dia filas quilométricas foi, ao mesmo tempo, desesperador e empolgante. Mais pessoas estão lendo e isso é algo lindo de se ver, tão lindo quanto o estande da editora Rocco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua sugestão, opinião ou crítica. Prometo lê-las com carinho. Mil beijos, Mari Siqueira.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...