junho 20, 2014

[Livros] Geek Love - Eric Smith

Título Original: Geek's Guide For Dating
Autor: Eric Smith
Editora: Gente
Páginas: 208
Gênero: Auto-Ajuda, Game
País: EUA
ISBN: 9788573129557
Classificação★★★★☆
_______________

Identificação total. Eu terminei a leitura de Geek Love com a impressão de que Eric Smith têm me observado esses anos todos e decidiu publicar um livro sobre a minha vida. Sério O_o'. Separei tantos quotes inteligentes e engraçados que foi difícil selecionar apenas dois para fazer parte da resenha. Se você se identifica como nerd, geek ou alguém inadequado aos padrões da sociedade moderna, esse é um livro para você.

A forma como Eric constrói o livro é bem peculiar e sua diagramação é magnífica, repleta de ilustrações em estilo 16-bit que deixam qualquer fanático por games babando. Não é uma história a ser narrada, mas sim um bate-papo entre o autor e o leitor. Com passagens cheias de referências a cultura geek, não é um livro para qualquer leitor, afinal, as grandes sacadas do livro se dão quando o leitor entende as metáforas de Eric. Essas metáforas podem ser entendidas com maior facilidade, em sua maioria, por: geeks, nerds, leitores, gamers, etc., pessoas que tem alguma ligação com o tema. Mas se ao iniciar a leitura você se sentir perdido, não desista: o Google está aí para te ajudar.

Por ser uma nerd assumida, eu sei bem o quanto a cultura nerd vem sofrendo transformações. Há alguns anos, ser chamado de nerd era motivo de vergonha, nos fazia sofrer bullying e eu vivi muito isso. De tempos para cá, a moda geek chegou e trouxe novos adeptos ao estilo. E apesar de não ser fã de modismos, num país cheio de modismos inúteis, um pouco de conhecimento não fará mal.

Muito World Of Warcraft, Call Of Duty (minha paixão gamer eterna), videogame, Minecraft, Mario Bros, Sonic, filmes clássicos, Game Of Thrones, Batman, Senhor dos Anéis, Harry Potter, códigos html, linguagem de internet, livros, antigos programas de tv, Doctor Who, Deadpool, bandas desconhecidas (como Dashboard Confessional que é minha paixão alt' rock eterna) em meio a conselhos amorosos fazem desse um livro um guia de sobrevivência do nerd que procura sua 'alma-gêmea' ou seu 'player2'.

Eric ensina o passo-a-passo da conquista nerd de uma forma engraçadíssima, com muitas metáforas e mostrando como, principalmente, os jogos eletrônicos podem nos ensinar valiosas lições de vida. Essas lições foram convertidas em dicas do que fazer e do que não-fazer-de-maneira-alguma para subir de level, enfrentar o mestre e salvar a princesa ou o príncipe. Desde o Start até o Game Over os relacionamentos seguem um padrão que nos permite programar ou prever qual código ou estratégia nos fará vencer. É assim no mundo gamer e é assim na vida real.

É uma leitura mais do que recomendada, e apesar de ser um livro destinado a um determinado público-alvo, nada impede que um noob leia ao lado do google. Aliás, se você está por fora desse universo, comece jogando CoD BlackOps II. Você me encontra na PSN: @marisiqueira182 ;) Brincadeira! Mas se quiser, pode adicionar mesmo, nerd gamer mode on. Lá, você encontrará muitos amigos, gente bacana e talvez até uns paqueras. Por focar no lado romântico, eu gostei mais ainda e claro, como já encontrei o meu player1 - porque eu sou o player2 dele *-*' - não utilizo mais essas dicas, mas teriam me sido bem úteis antes do meu príncipe encantado derrotar o Bowser e me salvar. São dicas valiosas, que tem que ser passadas para a frente. Adorei, precisa ser lido, entendido e colocado em prática. Saudações élficas e boa sorte no jogo do AMOR <3

"É normal se sentir amedrontado, Player 1. E se já foi derrubado dos céus antes, pode ser especialmente difícil vestir a capa e pular no abismo. Lembre-se, porém, de que todo super-herói ou heroína já foi alguma vez derrotado - até morto -, e você pode ressuscitar depois de um golpe aparentemente fatal." (p. 104)

Sinopse: Eric Smith sabe mais do que ninguém que existem prazeres imensos na vida geek. Amigos incríveis, conversas até de madrugada sobre realidades alternativas ou até mesmo o simples prazer de ler aquele lançamento de quadrinhos. No entanto, chega um momento na vida de todo nerd em que o amor bate à porta e daí vem a hora de jogar o xadrez tridimensional que é o mundo dos solteiros. Não se desespere, jovem Padawan! Deixe Smith guiá-lo por esse caminho e descubra que amar é muito mais do que flores e bombons. Afinal, nada é normal na vida do nerd, e o amor não é senão o mais extraordinário dos fenômenos humanos.

"Se tiver sido sortudo o suficiente para encontrar aquela pessoa especial, espero que ela se torne a Hermione de seu Rony, a Vampira de seu Gambit, a Pepper Potts de seu Tony Stark. Espero que ela tome sua mão e o faça atravessar a porta, a Ramona Flowers para o seu Scott Pilgrim." (p. 204)


9 comentários:

  1. Oi Mari

    Pela sua resenha esse livro apesar de poder ser lido por qualquer um, só será bem apreciado por um nerd. Eu não me encaixo nessa categoria, meu namorado sim, rsrsrs.
    Você já leu Jogador nº1? Também tem várias referências a jogos, bandas e filmes dos anos 80, algo beeeem nerd.
    Eu leria só por curiosidade, mas acho que não curtiria tanto quanto você.

    Beijos
    Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  2. Oi, Mari! Olha só quem voltou! hahaha
    Mari, sua linda, eu AMEI essa resenha e necessito muito desse livro. Vi algumas fotos de quotes que você postou e fiquei encantada. Não sou geek gamer, jogos de RPG e cia não são pra mim, acho que ia boiar nessa parte. Acho muito muito legal um livro voltado pra nós, escrita por uma pessoa que é como nós e entende nossos pensamentos :)

    Beijos, sua linda.

    Rayssa
    http://diariosdleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Já ouvi falar desse livro e você só me deixou mais curioso ! Amei a resenha
    Abraços
    http://livros-textos-e-mais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. AI MEU DEUS, VOCE TAMBÉM GOSTA DE CALL OF DUTY, SÉRIO? AI AI AI
    Não sou uma nerd, mas acho que eu gostaria de ler esse livro. Parece ser um livro que nos faça rir também, mas sei lá..
    Beijo,
    entreeleitores.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Mari, tudo bem?
    Fico feliz que você tenha se identificado tanto com o livro. Deve ser uma sensação muito boa sentir que o livro foi escrito pra você.
    Parece ser um livro bem legal, apesar de eu não saber se me identifico muito com esse mundo nerd, já que eu não gosto tanto de games. Com exceção de Mario Bros é claro...haha. E livros que são minha paixão ♥.
    Adorei a resenha linda.

    Beijão :*

    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mari! Como vai?
    Não sou muito nerd e muito menos geek para sequer entender o bendito desse livro. Tá, sou leitora e costumava - no passado - jogar bastante, principalmente Mario Bros e Sonic. Não consigo gostar de Batman, me julgue. Pelo contrário, amo HP e gosto bastante LoR. Não sou uma completa sabe-se lá o quê. Nunca encontrei alguma denominação que, hm, me acolhesse, entende? Acho que sou só leitora. Ponto. Apesar disso, o livro parece bem interessante, assim como os quotes que vi você postando no facebook hahahha <3 Talvez um dia eu leia, todavia não me interesso por games. True story.
    Beijinhos,
    Karol.
    http://heykarol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Mari, tudo bem?
    Achei essa capa demais, é o ambiente de um game. Olha, eu sou um peixinho totalmente fora desse universo, não sei nada!!!!! Mas consegui ver na sua resenha dois nomes conhecidos que eu adoro de paixão (Harry Potter e Senhor dos Anéis).
    Depois de tantos termos técnicos, metáforas e dicas para mudar de nível, não sei se consigo sem o google, mas adoro desafios!!!!!!!
    Na lista com certeza!!!!!
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Oi Mari que bom que você se identificou, também gostei da sinopse desse livro e acho que ele vai pra minha listinha, sem contar a capa que é muito fofa.
    http://quererdelivros.blogspot.com.br/
    Beijo

    ResponderExcluir

Deixe sua sugestão, opinião ou crítica. Prometo lê-las com carinho. Mil beijos, Mari Siqueira.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...