junho 26, 2015

[Livros] A Lista - Cecelia Ahern

Título Original: One Hundred Names
Autor: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Páginas: 384
Gênero: Ficção, Romance
País: Irlanda
ISBN: 9788581636832
Classificação★★★★☆
_______________

Cem nomes, cem histórias, cem diferentes personalidades. Cecelia Ahern criou uma trama repleta de possibilidades e provou mais uma vez que sabe contar histórias. E como sabe! A Lista é um de seus livros mais complexos pois envolve várias histórias dentro de uma mesma narrativa. De maneira sensível e acima de tudo, real, a autora nos apresenta personagens ordinários, que aos poucos mostram como suas vidas são extraordinárias. 

Acostumada com os romances literalmente fantásticos da autora, eu acreditava que esta seria mais uma leitura agradavelmente surreal. De fato, A Lista tem alguns elementos fantasiosos, mas como que para provar que pode fazer diferente, Cecelia mudou seu foco narrativo e estes não são o ponto alto da leitura. Neste livro, mais etéreo, sua escrita solidifica-se na realidade, inclusive, o conceito de verdade é também o tema central da trama.  

Somos apresentados a vida da jornalista Kitty Logan. Sua carreira foi arruinada, sua melhor amiga morreu, seu namorado a largou, seu melhor amigo arranjou uma namorada, seu chefe a detesta e ela não sabe o que fazer com sua própria vida. Depois de humilhar publicamente um homem inocente, a verdadeira história veio à tona e seu trabalho começou a ser questionado. Quem contrataria uma jornalista que divulga notícias falsas? E que ainda por cima arruinou a vida de um homem a troco de fama?

Confusa, perdida e sem esperanças, Kitty decide realizar o último desejo da melhor amiga. Antes de morrer, Constance deixou para ela uma matéria incompleta. Algo que ela gostaria de ter escrito, mas nunca teve tempo. O problema é que a matéria, que pode salvar a reputação de Kitty, é uma incógnita. Ao abrir o envelope com o trabalho da amiga, tudo o que ela encontra é uma lista com cem nomes. 

Sem nenhuma indicação ou rumo, a jornalista tenta entender a mensagem de Constance e tenta encontrar essas cem pessoas. Aos poucos, Kitty percebe que cada uma dessas pessoas tem uma história única, especial. Corrompida pela vaidade e preocupada em fazer sucesso, ela esqueceu como contar histórias e talvez o último desejo da amiga fosse justamente esse, que ela reencontrasse seu caminho. 

Na busca por si mesma e por uma boa história, a jornalista vai descobrir que cada um de nós é especial e todos temos uma história que precisa ser ouvida. Não é preciso inventar coisas sobre os outros, nossas próprias vidas são suficientemente interessantes como são. Seis caminhos vão se cruzar, pessoas que nem sequer se conhecem, mas possuem uma ligação especial. Constance sabia o que unia todos eles, e é isso que ela quer que Kitty descubra também. 

Uma belíssima mensagem de Cecelia Ahern, A Lista é um livro que toca nossos corações. Questionando o que é verdadeiro, o que nos torna únicos e quais histórias merecem ser ouvidas, a autora escreveu um de seus livros mais sensíveis. Cada uma das histórias que Kitty ouve é incrível e o leitor fica curioso, assim como a protagonista, para conhecer mais sobre elas. Confesso que - particularmente - me apaixonei por Mary Rose e seus pedidos de casamento.

É um livro que precisa ser lido e sentido, por cada um de nós. Em um mundo cada dia mais Kitty Logan - egoísta, mesquinho e vaidoso -, olhar para o outro não nos faria mal. Aprender um pouco, conhecer, e principalmente, amar ao próximo é um exercício ao qual devíamos nos dedicar. A Lista é uma leitura agradável, cheia de mensagens positivas e que vai te trazer uma lista com pelo menos cem motivos para querer ser uma pessoa melhor. 

"Kitty lhe perguntara por que ela colecionava borboletas. Por que tanto fascínio por elas? Ambrose não tinha mentido, mas não fora totalmente sincera em sua resposta. Por que amava as borboletas? Porque elas eram bonitas. E ela, não." (p. 203)

Sinopse: Kitty Logan tem 32 anos e aos poucos está perdendo tudo o que conquistou: sua carreira está arruinada; seu namorado a deixou sem um motivo aparente; seu melhor amigo está decepcionado com ela; e o principal: sua confidente e mentora está gravemente doente.

Antes de morrer, Constance deixa um mistério nas mãos de Kitty que pode ser a chave para sua mudança de vida: uma relação de nomes de pessoas desconhecidas. É com base neles que Kitty deverá escrever a melhor matéria de sua carreira. Quando começa a ouvir o que aquelas pessoas têm a dizer, Kitty aos poucos descobre as conexões entre suas histórias de vida e compreende por que foi escolhida para dar voz a elas.

"Todo indivíduo em qualquer parte do mundo tem uma história extraordinária para contar. Talvez pensemos que somos pessoas comuns, que nossa vida é entediante porque não estamos fazendo nada de extraordinário nem estampando as capas dos jornais, tampouco suas manchetes, nem ganhando prêmios memoráveis. Mas a verdade é que todos nós fazemos coisas fascinantes, admiráveis e das quais devíamos sentir orgulho." (p. 373)


11 comentários:

  1. Mari, eu nunca esperei tão ansiosamente por uma resenha sua como esperei por esta. Hahaha. E, claro, o retorno foi ótimo. Nunca li nada da Cecelia Ahern, e esse livro foi o primeiro dela a me chamar tanta atenção. Já tinha sido encantada pela sinopse da história, mas sua resenha alcançou minhas expectativas. Não vejo a hora de tirar um tempo pra ele! Obrigada <3

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Estou louca pra ler esse livro, só vejo resenhas positivas! Incrível a Cecelia e sua capacidade de escrever histórias que podem acontecer com qualquer um de nós!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Mari,
    Que resenha maravilhosa!
    Engraçado que leio as resenhas de livros da Cecelia imaginando filme, esse ainda não tem né...mas a história é ótima pra ser.

    Gosto da maneira que ela lida com a superação de seus protagonistas. Fiquei meio encucada, agora, de ter deixado esse pra minha prima resenhar...poxa quero ler hahahaha

    bjs e tenha um delicioso final de semana ♥
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  4. Ótima resenha! Pretendo ler esse livro assim que tiver um tempinho.

    SUA ESTANTE
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
  5. eu ja li, mas sabe aquela história que te marca que você não consegue expressar bem em palavras?
    se pararmos pra analisar é um enredo mais simples, mas talvez o mais significativo da autora, ao trabalhar essa lista interminável de histórias ela nos mostra como cada um é especial! me peguei chorando em alguns momentos, rindo em outros, mas com certeza é um livro que recomendo!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. eu ja li, mas sabe aquela história que te marca que você não consegue expressar bem em palavras?
    se pararmos pra analisar é um enredo mais simples, mas talvez o mais significativo da autora, ao trabalhar essa lista interminável de histórias ela nos mostra como cada um é especial! me peguei chorando em alguns momentos, rindo em outros, mas com certeza é um livro que recomendo!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Achei a premissa desse livro bem diferente, principalmente porque, pela capa, esperava um romance bem besta. Mas esse enredo com a repórter que perde quase tudo me atraiu. Acho que daria uma chance ao livro.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de junho. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  8. Adorei a sua resenha, super detalhada e ao mesmo tempo pontual!!
    Gostei bastante do livro e, realmente, é preciso ser sentido por cada um. Temos tantas histórias pra contar e tantas histórias para serem ouvidas...
    Beijos!
    http://www.vivendonoinfinito.com/

    ResponderExcluir
  9. Adorei ♡ vou querer conferir adoro esse tipo de livro pq adoro ouvir historias . ^^ cada pessoa tem uma p contar

    ResponderExcluir
  10. Oiii Mari, tudo bem??? Eu ficava namorando esse livro toda vez que ia até a lojinha perto do trabalho. Mas vi uma resenha negativa por esses dias e desanimei :P
    Mas que bom que você curtiu :)
    Mas eu acho que não leria mesmo :P
    Um beijão
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi, Mari! Como vai?
    Que resenha maravilhosa <3333 Como sempre. Você está cada dia melhor, Mari!
    Estou querendo ler a lista faz um tempo, porém existe um negócio chamado dinheiro, não sei se você conhece, mas não ter essa coisa atrapalha um pouco os planos da gente kkkkk E eu também estou cheia de livros para ler! Oh, Deus, não quero nem pensar. Acho que ano que vem o meu desafio será com livros, não com filmes. Enfim, eu amo a narrativa da Cecelia e acho que A Lista não me decepcionaria! Adoro histórias sensíveis e que trazem uma mensagem, e sobre olharmos o próximo, bem, eu concordo totalmente - venho fazendo isso nos últimos tempos, e tudo o que aconteceu foi eu entender as pessoas, as pessoas não me entenderem, eu ficar com raiva delas e fim; pois é. Mas acho que esse livro viria bem a calhar no momento. Quem sabe eu consigo lê-lo nos próximos meses? Estou numa fase em que eu quero descobrir quem eu realmente sou, e acho que posso estar perdida, cada parte de mim em um lugar, então...
    Amei a resenha!!!
    Beijinhos,
    Karol.
    www.heykarol.com

    ResponderExcluir

Deixe sua sugestão, opinião ou crítica. Prometo lê-las com carinho. Mil beijos, Mari Siqueira.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...